Divergente

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

UMA ESCOLHA
 PODE TE TRANSFORMAR

Uma escolha. Uma escolha decide seus amigos, define suas crenças, e determina a sua lealdade… para sempre. Ou, uma opção pode transformá-lo. Numa Chicago futurista, a sociedade se divide em 5 facções – Abnegação, Amizade, Audácia, Franqueza e Erudição – e não pertencer a nenhuma facção é como ser invisível. Beatrice cresceu na Abnegação, mas o teste de aptidão por que passam todos os jovens aos 16 anos, numa grande cerimônia de iniciação que determina a que grupo querem se unir para passar o resto de suas vidas, revela que ela é, na verdade, uma divergente, não respondendo às simulações conforme o previsto. A jovem deve então decidir entre ficar com sua família ou ser quem ela realmente é. E acaba fazendo uma escolha que surpreende a todos, inclusive a ela mesma, e que terá desdobramentos sobre sua vida, seu coração e até mesmo sobre a sociedade supostamente ideal em que vive. 

Eu estava loooouca pra ler esse livro lindo chamado "Divergente" e eu finalmente ganhei ele.
E eu li.
E é um dos melhores livros que eu já li (apesar de eu ter que procurar algumas palavras no dicionário).
A história é perfeita, daquele tipo de história bem pensada em cada detalhe, que eu adoro. Agrada todo mundo, já que tem ação e romance. A narração é um pouco confusa - às vezes eu tinha que ler o mesmo parágrafo várias vezes para entender o que aconteceu.
Me lembra um pouco a série FEIOS, uma distopia em que as pessoas se dividem em grupos. Só que o autor de FEIOS viajou pra caramba, criando carros voadores e tal, enquanto Divergente tem aquele estilo mais simples, não tão tecnológico.
Eu chorei muito lendo o livro. Pra variar, a autora matou um monte de gente legal. Mas eu também ri bastante:


"Peter provavelmente daria uma festa se eu parasse de respirar" - Tris
"Bom, eu só iria se tivesse bolo" - Quatro 
 
Enfim, o livro é muuuito legal e eu realmente recomendo.
Estou com tanta preguiça de escrever mais.

Kisses,







Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe um comentário! Não se esqueça de pôr o link do seu blog (caso você tenha um, é claro) para eu dar uma olhadinha lá depois.
Kisses!