Bye bye, 2015!

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015


Ayo! Hoje é oficialmente o último dia do ano \o/ E sim, eu estou comemorando muito o fato de 2015 ter acabado. Apesar de ter tido pequenos momentos felizes, eles foram bem isolados e eu passei a maior parte do ano chateada com a vida e com o mundo - inclusive, é um dos motivos que me fez ficar bem negligente com o blog ;w; Desculpem por isso~

Mas enfim... Justamente por que 2015 foi um ano meio bosta de qualidade duvidável, não vou fazer retrospectiva esse ano. Minha vida acho que está bem resumida ali nos Tipo Diário e eu não quero falar de novo das coisas que aconteceram comigo esse ano. Não foi nada grave ou horrivelmente traumático, mas prefiro não falar nada at all. Sim, houveram os bons momentos, como a viagem à São Paulo para o show do Boyfriend, algumas amizades que fiz e etc, mas as coisas ruins também estão lá e não quero mais falar nelas. Compensando, esse ano resolvi fazer o meu tradicional melhores do ano ♥ Então se preparem, que vem post grande por aí!




The Most Beautiful Moment In Life pt. 2, do BTS, saiu recentemente e já garantiu o 5º lugar no meu top do ano ♥ As músicas são lindas, significativas e cheias de vocais e raps sensacionais. Destaco Whalien 52 e Butterfly, que tem vocais maravilhosos e melodias linda, e a intro Nevermind, com raps poderosos e letras perfeitas.

Seventeen, especialmente nas últimas semanas, consumiu completamente a minha vida - virou um dos meus grupos preferidos e roubou por completo o meu coração. O último mini-álbum deles, Boys Be, tem só cinco músicas, mas todas maravilhosamente produzidas (pelo membro Woozi, aquele lindo). Os vocais dos meninos são ótimos, os raps tem um sentimento bom e você sente vontade de dançar e pular e ser feliz com todas as músicas. Merecedíssimo 4º lugar =w= Minhas preferidas são Mansae e Fronting

Não é novidade pra ninguém o meu amor por Girls' Generation, né? Lion Heart, que eu resenhei aqui, ganhou o 3º lugar deste top e se tornou um dos meus álbuns preferidos delas, pelo conceito sofisticado, a ótima divisão de linhas e as músicas muito bem feitinhas. Talk Talk, Check e Bump it são as que roubaram o meu coração ♥

A OST de God Help The Girl, ah, que álbum M A R A V I L H O S O. Apaixonei à primeira ouvida. Ele é todo hipster diferente conceitual - acho ele até um pouco pretensioso - mas é lindo e maravilhoso e é isso que importa. A OST tem um ar leve, mas ao mesmo tempo muito pesado/triste. Tem músicas que te fazem chorar (Musician, Please Take Heed e Act of Apostile) e outras que só te fazem querer pular e ser feliz (I'll Have to Dance With Cassie e God Help The Girl). É realmente um álbum muito bom e que mereceu muito esse 2º lugar.

Cry Baby! C R Y  B A B Y! Nem precisei pensar muito, é mais que óbvio que Cry Baby foi o melhor álbum que ouvi em 2015. Todas as músicas são sensacionais, uma melhor que a outra - não importa em que ordem vocês as coloque, o que é estranho - e é impossível não se apaixonar pelo estilos dark-porém-infantil da Melanie Martinez. Esse é o tipo de álbum que eu recomendo não certas músicas, mas todas. Simplesmente não tem o que não amar em Cry Baby. Mais que merecido 1º lugar - e aqui está o link para a playlist do álbum pra você ouvir e entender minha paixão por ele ♥


Falei de Uma Aventura Lego algumas vezes aqui: o filme virou uma das minhas animações preferidas com o humor ácido, as referências maravilhosas à cultura pop e a lição linda do final. Vi há um bom tempo (tenho que rever, aliás), mas a sensação boa que o filme me deu ficou, e levou o 5º lugar hoje ♥

Caminhos da Floresta, dono do 4º lugar, é um ame-ou-odeie. Falando com várias pessoas, descobri que a maioria detestou o musical - justamente porque os personagens cantam o filme inteiro. Caminhos da Floresta reconta contos de fada de uma maneira mais crua - o felizes para sempre não dura para sempre, basicamente - e acho que isso decepcionou muita gente. Mas esses dois pontos que todos odiaram foram exatamente o que me fizeram amar esse filme ♥ Revi ele recentemente e só confirmei que ele é um dos preferidos - especialmente com o elenco incrível e as músicas ótimas.

E God Help The Girl aparece de novo! Sim, como eu me apaixonei pela trilha sonora, é claro que que me apaixonei pelo filme >u< O filme não faz lá muito sentido e acho que ele nem tem alguma mensagem para passar - ele é todo hipster conceitual diferente, lembra? -qq Mas eu gostei muito dele, me senti bem assistindo e me identifiquei imensamente com os diálogos dele. Uma frase que adoro desse filme: "Muitas mulheres e homens vivem vidas vazias, desperdiçadas em porões tentando escrever músicas pop clássicas. O que eles não percebem é que não são eles que decidem. É Deus. Ou o deus da música. Ou a parte de Deus que se importa com música. É por isso que o criador de hits deve ser considerado parte divino, porque o divino falou através dele." Só digo isso pra justificar o 3º lugar.

Alguns de vocês já sabiam da minha obsessão por Whiplash - o único filme de Oscar dessa lista, e que, honestamente, devia ter ganhado a estatueta )o) Quer dizer, nem a atuação sensacional do Miles Teller no papel principal rendeu sequer uma nominação à Melhor Ator, fiquei bem chateada com isso. Mas enfim, eu adoro Whiplash - parafraseando meu pai, ele é o único filme que te faz chorar com um solo de bateria )o) Por tratar de música e perfeccionismo, duas coisas que entendo bem, senti uma conexão muito grande com ele e o filme se tornou um dos meus preferidos ♥ Merecidíssimo 2º lugar.

E o 1º lugar... Infelizmente, esqueci de fazer uma resenha inteira de Frequencies (OXV: The Manual), mas falei dele em uma movielist por aí. Ele me conquistou completamente quando o assisti - foi um sentimento completamente novo ver esse filme. Ele é lindo de morrer visualmente e a história dele é único, atrativa e incrivelmente original num mundo cinematográfico cheio de reboots, sequências e adaptações. Acho que vou revê-lo logo e fazer uma resenha propriamente dita, mas só posso dizer que Frequencies me conquistou de jeito - eu não sabia que tinha como existir uma história tão incrível e tão bem contada.


O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares (não ousei colocar esse nome enorme na imagem acima :v), do Ransom Riggs, foi meu presente de Natal do ano passada e eu dei uma enrolada básica para começar a ler. Valeu muito a pena, tho ♥ O livro é sensacional, lindo e repleto de fotografias antigas que ilustram a história, que é bem envolvente. Foi uma ótima leitura e conquistou o 5º lugar. (+)

Mencionei algumas vezes aqui e nas redes sociais da vida que ler O Clã dos Magos, da Trudi Canavan, foi a melhor decisão que fiz em 2015. O livro estava comigo há mais de dois anos e eu enrolava pra ler já que ele é bem grandinho - acabei resolvendo ler para uma maratona de leitura, e escolhi O Clã dos Magos para o desafio "um livro com mais de 500 páginas". Foram 500 páginas maravilhosas, cheias de emoção e que me introduziram a um novo universo incrível. Estou louca pra ler o resto da trilogia - só falta arranjar o dinheiro ;w; Merecidíssimo 4º lugar - só não ganhou o 1º porque o top 3 é simplesmente outro nível. (+)

Magnus Chase e os Deuses de Asgard: A Espada do Verão foi o meu livro "fã oficial" do ano - eu adoro o Rick Riordan, que também escreveu Percy Jackson, Heróis do Olimpo e As Crônicas do Kane, que são três séries incríveis que estão com certeza entre as minhas favoritas. Mas eu acho que Magnus Chase empurrou todas e se tornou a minha preferida do autor. A nova série trata de mitologia nórdica, que é muito interessante e eu não tinha percebido bem isso antes de ler o primeiro livro do Magnus Chase. Os personagens são, como sempre, muito cativantes, os diálogos desencanados e divertidos e o ritmo do livro, alucinante. Fiquei apaixonada por Magnus Chase - e nem terminei de ler ainda! Mas ele com certeza merece esse 3º lugar(+)

Ah, Cartas de Amor aos Mortos... Nem sei descrever o sentimento de ler esse livro. Ele me fez chorar como um bebê, numa época da minha vida em que eu achava que eu já tinha esgotado meu estoque de lágrimas )o) O livro é lindo - senão perfeito -, envolvente, nos faz se apegar aos personagens e sentir todos os sentimentos possíveis. Foi uma experiência ótima - terminei o livro triste porque tinha acabado e querendo casar com a Ava Dellaira por escrever algo tão bom. Valeu super a pena, e mereceu o 2º lugar ♥ (+)

Só não ganhou o porque desde que li Claros Sinais de Loucura, da Karen Harrington, soube que esse posto era dele. Resenhei esse livro e aqui e lá você pode descobrir exatamente o que me fascinou tanto sobre ele - em especial, a protagonista brilhante, a mescla perfeita entre perturbador e simples, e o porto seguro que essa história representou pra mim quando a li. Não tenho muito o que falar, só que eu amei Claros Sinais de Loucura e ele com certeza é um dos meus livros preferidos ♥ (+)


2015 foi o ano em que eu resolvi me aventurar no mundo de Naruto, que ganhou o 5º lugar desse top. Nenhum motivo específico, só vi que tinha no Netflix e pensei why not? Eu adorei o anime, assisti até o episódio 50 mais ou menos mas entendi porque Naruto é tão amado ♥ Os personagens cativam e a história é bem interessante - só é meio enrolada -qq 

Owari no Seraph foi, surpreendentemente, o único anime da temporada de abril que acompanhei até o final - apesar de cinco outros estarem na minha lista ;w; Fiz uma análise dos primeiros episódios dele junto com a Nayou aqui e eu adorei o shounen ♥ Não é a nova revolução dos animes, mas é muito bom, cheio de feelings e com um visual steampunk-vitoriano lindo de morrer. Acho que merece o 4º lugar, não só pelo ótimo anime mas também pelo mangá e da arte maravilhosamente linda e detalhada da obra.

Conheci No. 6 através da Any-chwan, que me recomendou o mangá várias vezes~ No meu aniversário, ganhei os três primeiros volumes, lançados aqui no Brasil pela NewPop, de presente, e foi uma decisão maravilhosa )o) No. 6 é uma distopia/yaoi e tem uma história envolvente, inteligente e cheia de feels e ótimos personagens. Subiu rapidamente no meu ranking e acho que posso dizer que já é um dos meus mangás preferidos ♥ Valeu super a pena, e super merece o 3º lugar.

Não é novidade pra ninguém que eu amo Haikyuu!!, né? Na verdade, já amo ele desde 2014, mas em 2015, com a segunda temporada do anime e os acontecimentos atuais do mangá, Haikyuu!! roubou o meu coração de novo e eu nem pensei duas vezes antes de colocar ele no 2º lugar do meu top. O anime está muito bom - até melhor que a primeira temporada em questões de animação - e o mangá me deixa sem ar a cada capítulo, como sempre, e cada vez mais constantemente. Amo Haikyuu!! Só isso mesmo.

E o 1º lugar vai inquestionavelmente para Bakuman, o mangá que eu descobri esse ano e que me conquistou completamente, virando o meu preferido. Fiz uma resenha completa e bonitinha dele aqui, mas posso dizer que entre os motivos que me faz amá-lo tanto estão os personagens lindos - especialmente os secundários -, a rivalidade amigável entre eles, a lição de moral de seguir os seus sonhos e acreditar neles, e toda a felicidade que essa história me trouxe no geral. Sem dúvidas um dos melhores mangás que já li ♥


Comentei algumas vezes como Marvel's Agents of S.H.I.E.LD. é uma série fantástica )o) Vi a primeira temporada e metade da segunda - tenho que tomar vergonha na cara e terminar de assistir - e foi maravilhoso ♥ É daquelas séries que é tanta emoção que você grita com a televisão quando as coisas ficam muito intensas, chora, ri e faz uma cara chocada a cada nova revelação. Merecido 5º lugar no top =w=

Todo mundo já sabe que Doctor Who é minha vida e meu amor, certo? xD Eu estava bem chateada com a série porque a oitava temporada, do ano passado, foi bem meh, pra não dizer coisa pior. Engoli aquela temporada feito remédio ruim e estava pronta pra ficar decepcionada com a nona temporada também - mas me surpreendi! A temporada me deixar no chão várias vezes, me fez chorar assistindo DW pela primeira vez e eu também adorei a personalidade do 12º Doctor, que está sendo mostrada melhor agora. Ouso até dizer que essa temporada é uma das melhores da série. Sim, houveram furos de roteiro, buuut, eu acho que os pontos fortes compensam esses pequenos erros. Amo Doctor Who, e essa temporada se recuperou bem do tropeço que foi a oitava - S9 merece muito esse 4º lugar ♥

How To Get Away With Murder é a série mais recente desse top - assisti ela nas férias, na falta do que fazer. Gente, que série sensacional! Sério, fiquei estupefata. Já tinha ouvido falar muito de HTGAWM, mas não esperava que fosse ser tão boa. Devorei a 1ª temporada rapidinho - o que me lembra que tenho que começar a 2ª ;w; - e a cada episódios eu já estava clicando pro próximo começar. Gritei com os personagens, chorei, ri horrores e principalmente fiquei de boca aberta com as revelações dos mistérios em volta dos quais a série gira. O que vale falar sobre essa série é que a construção dos personagens é incrível, especialmente da protagonista, interpretada pela magnífica Viola Davis. Vale muito a pena assistir, especialmente quem se interessa em advocacia (defesa do crime, pra ser exata) e mistérios~ Só ficou no 3º lugar porque as próximas séries conseguem ser ainda melhores.

O 2º lugar desse top, Orphan Black, na verdade, foi votada em vários sites nerds e enquetes como a melhor série de 2014 - a preguiçosa aqui só foi ver esse ano, depois que a Netflix adicionou a série ao catálogo. Mas olha, foi uma decisão maravilhosa clicar no play )o) Orphan Black tem uma história louca, mas sensacional e que te convence e te envolve por completo. É outra série que você termina um episódio já ansiosa pra ver o próximo. As personagens são bem estruturadas e nos conquistam completamente. Vi as duas primeiras temporadas e tô com a terceira ali prontinha pra ver, só tô enrolando ;w; Mas Orphan Black se tornou uma daquelas séries que, se alguém me pede uma recomendação, ela é uma das primeiras que eu falo.

E para o 1º lugar, novamente, não tive que pensar demais: esse título é de Scorpion com orgulho! A série me deixou tão viciada que ela é o atual tema do blog XD Acho que no top de qualquer outra pessoa, Scorpion não tiraria o primeiro lugar, mas esse é o meu top e essa série tem alguma coisa que me conquistou por completo. Os personagens, a história, as lições, os feelings que me faz passar, tudo em Scorpion me faz fangirlar muito e acho que isso é importante )o) Recomendo Scorpion pra todo mundo, really - ele é o tipo de série que todo mundo gosta ♥

~~~~~

E é isso, pipous ♥ Espero que tenham gostado - quem tiver lido tudo, né? :v - e estou ansiosa pelos seus comentários~ Um feliz ano novo e que o 2016 de vocês seja muito próspero e vocês consigam alcançar todas as suas metas e sonhos =w=

Última recomendação da Hannah de 2015: ouçam Troye Sivan, pelo amor de Deus. Sério, o que era a minha vida antes de conhecer Troye Sivan? ♥ Ele é um cantor incrível e as músicas dele tocam o coração - destaque para Fools, Youth e for him.

Until now, it has been Hannah Mila~ Bye bye  e até ano que vem ♥

6 comentários :

  1. Isso é que eu chamo de retrospectiva com estilo. Amei as imagens Hannah <3 espero que seu 2016 seja melhor que 2015 e você se anime mais com as coisas - vêm aí várias mudanças na sua vida, então abrace todas e se jogue de cabeça em todas essas experiências \o\
    FELIZ ANO NOVO, GAROTA!
    Beijo :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, nem é exatamente uma retrospectiva~ Ficaram tão fofas, né? Que bom que vocês gostaram ♥ Sim, 2016 é um ano completamente novo e cheio de mudanças pra mim, então quero aproveitar ao máximo! \o/
      ♥ FELIZ ANO NOVO ♥

      Excluir
  2. Ooy! Ah, essa época de ano novo sempre nos trazendo reflexões!
    Primeiramente: AMEI essas plaquinhas para cada categoria! Ficou muito chique! <3
    Sobre o filme do ano, não assisti ainda Caminhos da Floresta, mas acredito que vou gostar muito, porque eu adoro musicais! E também AMO Whiplash, assisti esse ano já com a expectativa alta e ainda ME SURPREENDEU! De tão bom que é! Gosto demasiadamente desse filme e concordo que deveria ter ganhado um oscar de melhor ator. Poxa, ainda não vi Frequencies (OXV: The Manual), mas vou ver logo porque parece realmente bom.
    Adorei os livros citados, só conhecia o 5º lugar e o 2º, mas ainda não os li.
    Nossa, Naruto eu comecei a assistir há milhares de anos atrás, nem me lembro quando, naquela época que a gente nem sabia o que era baixar animes HAUAHUAHUHA Owari no Seraph está na minha lista pra assistir. Nº6 é PERFEITO, mas percebi pelas reviews da Any-chan que o mangá é infinitamente melhor que o anime! Haikyuu ainda não vi, porém já tive ótimas recomendações sobre, então também tá na lista~ e sobre Bakuman: CONCORDO! Gente, esse mangá é perfeito, a história é demais! E outra, é uma obra feita pelos divos, deuses e sensuais Takeshi Obata e Tsugumi Ohba, então né! Impossível ser ruim.
    Ah, não assisti nenhuma dessas séries. Doctor Who, lá no fundo, até tenho vontade, mas são tantas temporadas que eu fico meio "meh". A que mais tenho vontade de ver dentre essas é How to Get Away With Murder, que inclusive está na minha listenha.
    Já que você recomendou, ouvirei Troye Sivan e depois digo o que achei. haushuash

    Beijooos e feliz ano novo! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, fim de ano é época de pensar da vida >.<
      Teehee~ Que bom que gostou, até porque deu um trabalhinho de fazer )o) <3
      Caminhos da Floresta é ótimo - e se você gosta de musicais, melhor ainda! AWWWWN, WHIPLASH <3 Ele chega a ser um dos meus filmes favoritos, sinto muitos arrepios vendo ele e fico bem ressentida pelo Miles Teller não ter sido nem nominado >: Frequencies é sensacional, é um filme único tanto se tratando da história quanto da fotografia e afins. Vale a pena ♥
      Recomendo todos os livros do top, haha! xD
      Eu sempre ouvi falar (e muito XD) de Naruto, mas só animei pra assistir recentemente )o) Owari é bem legal, é um shounen bem típico, mas você vai gostar :D No. 6 é puro amor ♥ Não vi o anime, e nem pretendo - já estou achando o mangá incrível por si só 8D Quero ler a novel depois, tho. Veja Haikyuu, por favor! Ele vai te surpreender~ E BAKUMAN = ♥♥♥♥♥ Já te amo porque você ama Bakuman -qqq "Deuses e sensuais Takeshi Obata e Tsugumi Ohba" é verídico xDDD Viu que eles então lançando um mangá juntos de novo? >.< Vou começar a acompanhar porque né, como não amar os mangás dessa dupla?
      HAHAHA, Doctor Who pode ter várias temporadas mas elas valem muito a pena ♥ Além disso, DW é o tipo de série que dá pra ver as temporadas individualmente, porque uma não interfere muito na outra )o) HTGAWM é ótimo - se prepare pra gritar com a TV e fazer caras chocadas quando for ver xD
      Depois me avise o que achooou~ Eu tô apaixonada ♥
      Feliz ano novo! \o/

      Excluir
  3. Oie~!
    E hoje é oficialmente o 4º dia do ano (brincadeirinha)! Não precisa pedir desculpa, Hannah, todo mundo passa por momentos legais e outros não... De qualquer forma, feliz ano novo! Espero que esse ano seja imensamente melhor, cheio de risadas, alegria, esperança, força de vontade e paz. Ebaaa! Gosto muito de posts grandes e cheios de texto (com imagens bonitinhas no meio, se possível, porque ).
    Opa, álbum hipster à vista! Hahah, meu pai que fala que sou meio hipster - só gosto quando não é famoso. Mas não, não é assim :p (só um pouco, talvez...). Acho que depois de Jessica Jones o segundo nome "pop" que mais li/ouvi/whatever foi da Melanie Martinez. E acho que não ouvi nenhuma música dela até agora, acredita? Só DollHouse, se for a música que estou pensando.
    Hum, assisti o "Uma Aventura Lego" e acho que a único ponto ruim é a participação feminina no filme. Sabe, clichê de menina "fodona" que é assim, até que chega o namorado dela pra mostrar que ela não é nada sem ele. Bom, não lembro se é realmente o caso, mas aí deixo minha crítica 'u'. (Desculpe)Mas eu também gostei das piadinhas e referências, e no início, quando ele segue um manual. Acho que no caso de animação, o meu "Top" vai para "Home", já assistiu?
    Uau! Agora me interessei pelo "God Help the Girl", acho que nem tinha ouvido falar, mas pode entrar na minha lista de "Assistir" :D.
    Sobre livros: O seu quinto lugar eu já ouvi tanto, mas é um daqueles livros que acho melhor não ler. Tudo que trata com psicológico eu já fico com pé atrás, e mesmo que esse não seja o foco, a minha cabeça consegue viajar e criar um cenário para fazer eu pensar muito sobre o livro. É um livro muito pesado, ou o clima não é tão tenso assim?
    Olha, eu acho que vai ser meio ofensivo o que vou falar agora, mas só gosto de Haikyuu!! por ser um anime com meninos praticando esporte (hahah). Acho que depois que assisti Free! e vi outros animes que lidavam com esportes, acabei gostando do tema <3. Porém nunca assisti de verdade, só vi uns renders e gifs (além de doujinshi, mas não foi ele que me chamou a atenção). Qual seu personagem preferido? Eu não sei das personalidades, mas eu acho o Kenma Kozume (se estiver errado, desculpe!) muito bonitinho, tehee~~!
    Obrigada, e pra você também, Hannah! Um ano incrível cheio de paz <3.
    Ah, e eu gostei do som de "Fools" ^^. Conhece Jess Penner? Quando conheci ela era independente (mais ou menos, não sei bem), e não sei como a carreira dela está hoje, mas lembrei dela e resolvi recomendar. São letras super de bem com a vida e animadas ^u^.

    Bom... tudo de bom, e espero que tenha começado o ano melhor, de verdade!

    Chu~~ >3< *huge hugs pra você*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ASHAUSHAUSH XD Espero que 2016 seja meu ano de momentos legais então~ Post grandes são vida ♥
      Se você olhar por esse ângulo, você é meio hipster sim xDD A Melanie merece toda essa falação, as músicas dela são ótimas e ela é uma artista única, sabe? Recomendo você ouvir algumas outras músicas dela~
      Sobre "Uma Aventura Lego", eu achei a personagem feminina uma outra crítica/piadinha ácida do filme. Tipo, ironizando esse esterótipo, sabe? Foi assim que eu vi a personagem, então só foi mais interessante ainda. Ainda não vi "Home" D: Tô louca pra ver tho, gosto muito das coisas da DreamWorks~ Assim que ver, te aviso ^^
      "God Help The Girl" é bem hipster, acho que por isso você não ouviu falar xD Mas é ótimo, recomendo muito!
      Ah, mas "O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares" nem é tão pesado, pelo menos não psicologicamente falando! Ele é um infanto-juvenil sobrenatural que usa as fotografias antigas bizarras pra ilustrar. Mas como ele é um livro juvenil, não é pesado, só parece ser )o)
      AHSUAHSUAHSUAH esse foi um dos motivos pelos quais comecei a ver Haikyuu também xDD Gosto de animes de esporte desde Free! também, e vi o povo falando de Haikyuu e resolvi ver. Mas acho que, assim como eu, se você se colocar pra assitir/ler o mangá você vai se apaixonar loucamente também )o) Meu preferido é o Tsukishima, mas o Kenma também tem um posto enorme no meu coração ♥ Assista/leia logo Haikyuu e aí podemos falar mais sobre haha >.<
      Que bom que gostou, tava louca pra recomendar Troye Sivan pra alguém ashuahsu xD Não conhecia, mas ouvi e gostei bastante do som dela, depois vou pesquisar mais! Gosto de músicas felizes e letras animadas =w=
      Obrigada, Niic-chaaan ♥ O mesmo pra ti ^u^ *hugs*

      Excluir

Deixe um comentário! Não se esqueça de pôr o link do seu blog (caso você tenha um, é claro) para eu dar uma olhadinha lá depois.
Kisses!